A CTP – Confederação do Turismo de Portugal é o organismo de cúpula do associativismo empresarial do Turismo, representando a totalidade das associações empresariais da atividade turística.

A CTP tem como missão:

  • Assegurar a coesão e unidade interna dos agentes económicos do Turismo e pugnar pelo desenvolvimento da atividade económica do Turismo;
  • Assegurar o controlo estratégico da Confederação pelas Associações Empresariais nela filiadas;
  • Contribuir para a definição da política de Turismo; 
  • Reservar a sua intervenção para o tratamento de matérias globais e intersectoriais, atuando sempre com uma postura supletiva das iniciativas dos seus associados.
  • Contribuir para o melhor conhecimento científico do Turismo como forma de preparação e implementação das medidas de política; 
  • Desenvolver uma organização flexível, credível, eficiente e com capacidade de intervenção.

A CTP tem assento no Conselho Económico e Social e na Comissão Permanente da Concertação Social desde maio de 2003. 

Francisco Calheiros
Presidente da Confederação
do Turismo de Portugal

É, desde maio de 2012, presidente da Confederação do Turismo de Portugal, organismo de cúpula do associativismo empresarial do Turismo. Licenciado em Gestão e Administração de Empresas pela Universidade Católica Portuguesa, Francisco Calheiros conta com mais de 30 anos de experiência no setor do Turismo. Foi condecorado pelo Primeiro-ministro, António Guterres, com a Medalha de Mérito Turístico e pelo Presidente da República, Jorge Sampaio, com a Comenda de Mérito Comercial.

Entre 1990 e 2015, foi presidente do Conselho de Administração do Grupo Macrotur, depois ES Viagens e agora Springwater Tourism. Teve uma forte participação associativa no setor do Turismo, tendo sido representante de Portugal na ECTAA – Associação Europeia das Associações de Agentes de Viagens e Tour Operadores, entre 1995 e 2008, da qual foi Presidente durante 3 anos. Em 2008, ocupou o cargo de Vice-Presidente da Confederação do Turismo de Portugal (CTP), antes de assumir a presidência em 2012.